Marido por acaso

Assisti um filme muito legal hoje e pensei em mil maneiras de empolgar você a assisti-lo:

Eu poderia dizer que tem…

Jeffrey Dean Morgan…

Jeffrey

__________________________________________________________________________________________________

twilight-premiere-la-2008-jeffrey-dean-morgan-18817

Sem títuljo

———————————————————————————————-

Poderia dizer que ele faz o papel de um bombeiro…

marido_acaso_2

Mas eu achei que não seriam assim… motivos suficientes pra você assistir, então, eu vou dizer que tem romance…

Accidental-Husband-Jeffrey-Morgan[1]

Que é divertido…

Marido por acaso

E que você não vai se arrepender! Risos…

Eu adorei e recomendo! Não vou dar mais nenhum palpite, assista e me conte o que achou, ok?


Cisne Negro

Os meus filmes preferidos sempre foram as comédias românticas. Já assisti tantos desse gênero que se tornou difícil encontrar um exemplar que eu já não tenha visto. A maioria dessas comédias, entretanto, se tornaram entediantes para mim por serem muito previsíveis. Acho que mudei também minha forma de pensar sobre os relacionamentos e, por isso, já não me identifico tanto com o gênero. Ainda assim, existem algumas que gostei muito, por serem mais criativas, como Caçador de Recompensa, Esposa de Mentirinha, Antes só que mal casado e Amor à distância, que foram as últimas que assisti.
Ontem à noite, tive vontade de ver algo legal. Procurei entre as comédias e não vi nada que despertasse o meu interesse, até que encontrei Cisne Negro, classificado como Drama. Já tive vontade de assisti-lo uma vez, por causa do nome, mas ontem não me empolguei muito em vê-lo na programação. Ainda assim, o escolhi e não me arrependi. Achei o filme surpreendente e muito interessante, de forma que me prendi a cada detalhe. Adoro quando um filme consegue prender a minha atenção e me tira da realidade para a sua história. Foi o que aconteceu ontem, fui dormir com as cenas em minha mente, pensando na vida de Nina e no que ela sentia e viveu.
Nina, a protagonista, é interpretada por Natalie Portman que faz um trabalho incrível! Eu havia me esquecido de quanto um drama pode ser bom. Raramente assisto filmes desse gênero, mas ontem descobri que eles podem ser fascinantes! Um ator tem que ser muito bom pra interpretar um papel que mexa conosco e nos faça sentir a sua alma. A trama também tem que ser muito interessante e envolvente. Enfim, imagino que o Drama deva ser o gênero mais difícil de se trabalhar e admiro muito as pessoas que se desafiam a construi-lo.


O filme me fez pensar também sobre a pequena distância que existe entre o nosso forte desejo de conseguir alguma coisa e a ansiedade que nos adoece e destrói, além do quanto somos, muitas vezes, prisioneiros de nós mesmos pra sermos aceitos em nossos mundos.
Bem, não gosto muito de contar os enredos dos filmes, basta dizer que você vai se surpreender e refletir sobre você mesmo, além do quê, provavelmente ainda vai acordar de manhã com as cenas em sua mente.